Empresários se unem ao CONSEP para coagir a criminalidade em Guaxupé (MG) - Gminas TV - Gminas TV

Papel do CONSEP e Projeto Olho Vivo foram alguns dos temas discutidos na reunião.

Na noite desta quinta (10) aconteceu uma reunião entre o CONSEP (Conselho Municipal de Segurança Pública) e os empresários locais, com o objetivo de discutir alguns temas relevantes diante ao alto índice de assaltos que aumentou de maneira exagerada em Guaxupé (MG). A reunião aconteceu na sede da associação de comércio e indústria da cidade, a ACIG, e contou também com a presença de autoridades policiais e um representante do poder Executivo. Durante algumas horas, foi mostrado aos participantes como o CONSEP deve agir e também a importância de um conselho atuante dentro do município.

Outro ponto muito debatido foi à implantação do projeto “Olho Vivo”, que se trata da instalação de câmeras de segurança em diversos pontos estratégicos da cidade. O projeto será apresentado ao Poder Judiciário a fim de angariar determinada verba para custear as despesas com a execução do projeto.  Durante a reunião, os empresários puderam dar sugestões como fez este contador. Alberto Cruvinel sugeriu que fosse designado 04 profissional para cuidar exclusivamente do monitoramento das imagens em tempo real.

Nos últimos meses, a população foi pega de surpresa pela onda de assaltos que vem tomando conta da cidade. Vários comércios e residências já foram vítimas de criminosos. O caso mais recente que deixou em pânico os empresários foi o caso da serralheria, onde o proprietário foi alvo dos bandidos e teve um ferimento na perna e outro na cabeça causado com uma arma de fogo. Diante o medo, alguns empresários desta rua localizada no centro, se juntaram e implantaram um monitoramento particular a fim de coagir as ações que envolvem furtos e assaltos. Agora com a implantação do “Olho Vivo” e a interação da população com o CONSEP, os empresários e autoridades esperam uma diminuição gigantesca na criminalidade local.

Todos os direitos reservados e protegidos pela Lei nº 9.610, de 19/02/1998. Nenhuma parte deste site, sem autorização prévia por escrito dos responsáveis, poderá ser reproduzida ou transmitida sejam quais forem os meios empregados: eletrônico, mecânicos, fotográficos, gravação ou quaisquer outros.